As técnicas gráficas continuam em constante evolução, sendo desenvolvidas para evidenciar a qualidade, o apelo visual e sensorial de impressos. Os chamados acabamentos gráficos são o aliado ideal para trazer ainda mais valor à peça, enobrecendo, protegendo e diferenciando o produto final.

Conhecer as possibilidades disponíveis no mercado faz toda a diferença na hora de planejar um impresso. Vamos listar aqui as técnicas mais utilizadas:

#1: Laminação: é o processo de “encapar” o impresso com uma camada plastificada, podendo ser fosca ou brilhante. O processo é usado para proteger e conferir maior refinamento à impressão.

#2: Verniz: são “tintas” de diversas texturas transparentes e em cores, normalmente utilizadas para enaltecer uma área do impresso. Essa aplicação pode ser total ou localizada.

#3: Corte e Vinco: ideal para moldar papéis conforme a necessidade, criando formatos personalizados. É muito usado para confeccionar caixas e embalagens personalizadas.

#4: Hot stamping: é a transferência de uma“estampa” feita através de calor. Essa finalização é usada para produzir efeitos metálicos que podem ser aplicados em algumas partes do impresso, como forma de chamar ainda mais a atenção.

#5: Relevo: aplicado com clichês que pressionam o papel para cima ou para baixo, criando uma sensação diferenciada ao toque. É um acabamento perfeito para agregar sofisticação ao impresso.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com um de nossos especialistas através do atendimento@luripress.com.br